ETHEL WHITEHURST

Martha Medeiros, Onelia Santana e Ethel Whitehurst
press to zoom
Mulheres do Brasil
press to zoom
Projetos Sociais no Ceará com Renata Jereissati
press to zoom
Artesãs cearenses
press to zoom
Programa Exporta Fácil
press to zoom
Ethel com bordados
press to zoom
1/1
  • mail
  • Facebook

Ethel Whitehurst iniciou suas atividades há mais de 40 anos. Sempre interagindo com o artesanato, desenvolvendo seus negócios, como uma das pioneiras em aplicar o design no artesanato.

 

Sua experiência ganhou vida com a sua atuação em projetos sociais cujo trabalho determinou a capacitação de milhares de artesãos pelo Brasil. Desenvolveu ações com artesãos de diversas tipologias, como: bordado à mão e à máquina, tricô, crochê, cerâmica, reciclagem, palha, filé, renda de bilro, casa de abelha, dentre outros. Foi uma das primeiras a exportar artesanato cearense. Dedica-se atualmente aos seus negócios - loja e consultoria - e a  projetos que empoderam mulheres artesãs cearenses. 

 

TRAJETÓRIA

Designer

Consultora

Empreendedora

Palestrante

  • Designer, consultoria e empreendedora social com reconhecimento por Notória Especialização devido à relevante atuação na área do artesanato.                                            

  • Fundadora da marca Yamor da Ethel

  • Experiência nos mercados nacional internacional ( varejo e atacado).

  • Consultora em diversos projetos para o  desenvolvimento do artesanato – Governo do Estado do Ceará.

  • Consultoria no desenvolvimento de coleções de artesanato e comercialização  - SEBRAE Ceará e SEBRAE Nacional.

  • Líder do Comitê de Artesanato e Vice | Líder do GrupoMulheresDoBrasil Núcleo de Fortaleza.

LINHA DO TEMPO

2019 - atual

Projeto de Artesanato do Sistema Carcerário do Estado do Ceará – SAP – Secretaria de Administração Penitenciária, beneficiando 50 internos e 30 internas, em 3 unidades.

·2019 – atual

Coordenadora do Grupo Artesanato e Design  - Núcleo Grande Fortaleza Leste do Projeto Ceará 2050.

1985 - atual

Projetos de artesanato com desenvolvimento de coleções, catálogos, transferência de conhecimento e tecnologias, além de acesso ao mercado nos SEBRAEs Ceará, Alagoas, Rio Grande do Norte, Bahia, Paraíba e Piauí.

1985 - 1995

Expansão internacional de vendas do artesanato, adequando design de produtos para os mercados dos Estados Unidos, França, Itália, Panamá e outros.

1986 - 1996

Desenvolvimento de estratégias de revitalização do design e qualidade do artesanato cearense junto ao Governo do Estado do Ceará, através da então Secretaria de Ação Social.

MÍDIA LINKS